5 passos para gerar menos lixo sem gastar dinheiro

O conceito Lixo Zero está se popularizando e, a cada dia que passa, mais e mais marcas surgem com esse conceito oferecendo novos modelos de bolsa reutilizável, de copos retráteis, de canudos de vidro, silicone, aço inoxidável… E o que isso desperta na gente? Vontade de comprar o último modelo de copo, de canudo e de bolsa. Isso te lembra alguma coisa?

Ao buscar uma vida mais sustentável, não basta mudar os produtos que consumimos, mas essa vontade de consumo constante que nos é imposta também. Buscar uma vida lixo zero é repensar o que consumimos, por que consumimos e todas as consequências que esse consumo trará para nossa vida e para o planeta. E sabe qual é a boa notícia? Buscar uma vida lixo zero pode trazer mais saúde não só para nós e para o planeta, como para nosso bolso também.

 Buscar uma vida lixo zero pode trazer mais saúde não só para nós e para o planeta, como para nosso bolso também.
Imagem: Sabine Peters (kredite.org)

Aqui estão 5 passos para produzir menos lixo sem gastar dinheiro.

1 – Apenas diga NÃO

Diga não para panfletos, brindes, canudos e qualquer outro objeto descartável que ficará com você por 5 minutos antes de ir para a lixeira ou para o fundo de uma gaveta ou armário.

2- Experimente novas combinações com as roupas que já tem ou monte uma feira de trocas!

Já parou para pensar que temos o hábito de usar sempre a mesma blusa, com a mesma calça e o mesmo par de sapatos? Muitas vezes, não aproveitamos todo o potencial do nosso guarda-roupas simplesmente por não usar a criatividade! Isso dá a falsa sensação de não termos o suficiente e isso nem sempre é verdade.

Outra ideia legal é montar uma feira de trocas com amigas e amigos, parentes e colgas de trabalho. Basta levar peças de roupa em boas condições que você não quer mais e pedir para todo mundo fazer o mesmo. Quando todo mundo se reunir, basta trocar as roupas que você levou pelo mesmo número de peças dentre todas roupas que as pessoas levaram! Pronto. Roupas novas para todo mundo sem gastar um tostão. Você também pode pesquisar por feiras desse tipo na sua cidade. Eu já participei das feiras do Projeto Muda. Pegar roupas emprestado também pode ser uma boa ideia!

3 – Faça mais sua própria comida

Como eu já falei aqui, quando procuramos pedir menos comida (dentro da disponibilidade da nossa rotina), geramos muito menos lixo ( isopor, sacolinhas plásticas, guardanapos de papel, sachês de condimentos…) e também temos a chance de comer alimentos mais saudáveis. Além disso, comer em casa costuma ser bem mais barato do que pedir comida.

4- Troque livros ou pegue emprestado

A lógica aqui é muito parecida com a das roupas. Para que comprar livros novos se você pode trocar algum que já leu por um novo com alguém? Pegar emprestado também pode ser uma boa ideia. Existe um aplicativo chamado “Tem Açúcar” onde podemos “anunciar” algo que temos para emprestar ou doar e também pedir emprestado para pessoas da nossa vizinhança! É uma ferramenta bem legal e colaborativa.

5- Troque as sacolas plásticas de supermercado por caixas de papelão

Essa dica eu já dei aqui e não custa nada! Muitos supermercados disponibilizam caixas de papelão para os clientes guardarem as compras. Para substituir as sacolas plásticas, basta guardar as compras nas caixas para levar para casa.

Pronto! Com esses 5 passos e sem gastar um tostão a mais, podemos ter uma vida mais sustentável, saudável e até econômica!

 

Share
Facebook
Facebook
TWITTER
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *